Os 100 jogos de Neymar: títulos, gols e o sonho do hexa

Foto: Michael Reaves / GETTY IMAGES/AFP.

 

Artigo Especial

Nascido em Mogi das Cruzes, São Paulo, Neymar da Silva Santos Júnior já está entre os grandes nomes da Seleção Brasileira. Em 2019, com apenas 27 anos, o atacante atingiu a marca de 100 partidas com a camisa amarelinha. Um número que carrega uma história de títulos, eliminações, gols e muitas outras lembranças. Apesar disso, o artilheiro continua em busca do maior sonho da carreira: conquistar um título mundial pelo Brasil.

A incrível marca centenária começou em 10 de agosto de 2010, quando o treinador Mano Menezes deu a primeira oportunidade para Neymar brilhar com a camisa da Seleção. Em entrevista para o canal Esporte Interativo, o técnico relembrou a oportunidade e garantiu que foi um privilégio. Neymar não desapontou e, em 72 minutos, conseguiu marcar o primeiro dos muitos gols que faria com a camisa amarela.

Essa vitória no amistoso contra os Estados Unidos, por 2 a 0, foi o início do longo relacionamento entre o jogador do Paris Saint-Germain e a torcida brasileira. Na época, ele fazia parte de um dos melhores elencos que o Santos já teve. Atuando com Ganso, Robinho, Elano e outros nomes, Neymar conquistou seis títulos e mostrou ao mundo todo o potencial que tinha. O Barcelona pagou cerca de R$ 90 milhões pelo jogador em 2013.

O amistoso no início de outubro, contra o Senegal, foi o 100º jogo de Neymar com a Seleção Brasileira. O empate por 1 a 1 não diminuiu a façanha do craque, que tem no currículo títulos como as Olimpíadas de 2016 e a Copa das Confederações de 2013. Em entrevista para o portal UOL Esportes, o camisa 10 relembrou alguns momentos e garantiu que sempre fez o máximo quando entrou em campo pelo Brasil, mesmo que ainda não tenha realizado um grande sonho.


Buscando o hexa

Neymar já disputou duas edições da Copa do Mundo, mas nunca conseguiu brilhar no torneio. Em 2014, jogando em casa, ele marcou quatro gols e conseguiu jogar até as quartas de final. Porém, uma grave lesão na vitória do Brasil contra a Colômbia, por 2 a 1, tirou o camisa 10 do resto da competição, que culminou com uma humilhante derrota por 7 a 1 para a Alemanha nas semifinais. Um resultado que nunca será esquecido pelos torcedores.


Quatro anos depois, dessa vez na Rússia, Neymar teve uma segunda chance fracassada. O craque conseguiu se recuperar de uma lesão sofrida no pé e atuou em todos os jogos da Seleção no Mundial. A equipe comandada por Tite não foi muito longe e viu o sonho do hexa acabar nas quartas de final, em derrota por 2 a 1 para a Bélgica. O camisa 10 foi duramente criticado, como mostra artigo da revista Veja, pelas atuações e encenações dentro de campo.

Porém, o jogador está longe de desistir do sonho. Em 2022, a Seleção Brasileira terá uma nova chance de conquistar o hexa. Deve ser uma das últimas oportunidades para Neymar e, por isso, as projeções são cada vez mais positivas. O portal de apostas online da Esportes Betway indica o Brasil como o principal favorito ao título, ganhando de França e Espanha. No dia 22 de outubro, a equipe de Tite aparecia com 15,4% de chance de vitória no torneio que acontecerá no Catar.

 

O maior artilheiro?

Ouro Olímpico ainda é o maior titulo do jogador pela Seleção.

 

Além do número de jogos e da luta para conquistar o Mundial de 2022, Neymar também está na corrida para ser o maior artilheiro de todos os tempos na Seleção Brasileira. Uma reportagem do jornal Correio do Povo mostra que, segundo os critérios da FIFA, o craque (que tem 61 gols) precisa de mais dois gols para ultrapassar Ronaldo. O ex-jogador campeão mundial em 2002, fez 62 gols na Seleção e é um dos maiores nomes do futebol nacional.


Porém, a missão mais complicada é chegar no topo da artilharia. Com 95 gols, Pelé é quem mais fez gols com a camisa do Brasil. O Rei do Futebol é o principal nome do país e alcançar estes números será uma missão complicada para Neymar até o final da carreira. Porém, não há como duvidar do que o atual camisa 10 da Seleção pode fazer.

Os 100 jogos pela Seleção Brasileira colocam Neymar nas páginas do futebol mundial. O craque ainda sonha com o hexa para confirmar o legado e fazer da “Era Neymar” algo cada vez mais glorioso. Será preciso uma excelente preparação, principalmente nos próximos anos, para conseguir realizar o sonho no Catar em 2022. E a torcida brasileira confia que este sonho vai se transformar em realidade.

Com as palavras-chave

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *